DIA MUNDIAL DA ÁGUA

Divulgação

A data foi definida pela Organização das Nações Unidas em 1992, segundo recomendações da Conferência da ONU sobre o Meio Ambiente e Desenvolvimento. O objetivo do dia é criar um momento de reflexão, análise, conscientização e elaboração de medidas práticas para resolver o problema de água potável (própria para o consumo no planeta – cerca de 2,7%).

Apesar de saber, desta porcentagem, grande parte das fontes de água (rios, lagos e represas) está sendo contaminada, quase que diariamente, por governantes e ações do homem, sendo usada de uma maneira pouco sustentável.

Em 10 de dezembro de 2002, o senado brasileiro aprovou o dia nacional da água através do projeto de lei do deputado Sérgio Novais (PSB-CE). O texto destaca que esse deverá “oferecer à sociedade brasileira a oportunidade e o estímulo para o debate dos problemas e a busca de soluções relacionadas ao uso e à conservação dos recursos hídricos.”
 
Saiba mais sobre a água

A água é essencial para os humanos e para as demais formas de vida. O líquido age como regulador de temperatura, diluidor de sólidos e transportador de nutrientes e resíduos por entre os vários órgãos. No corpo humano a água é o principal constituinte (entre 70% a 75%) e sua quantidade depende de vários fatores estabelecidos durante a vida do indivíduo.

A superfície do planeta é dominada em 75% pelas águas. Os 25% restantes são terras emersas. No entanto, quem pensa que tanta água está disponível para o consumo humano está enganado, pois somente 2,7% de água é doce e grande parte está congelada ou embaixo da superfície do solo.

A água de fácil acesso - em rios, lagos e represas - representa muito pouco do total de água doce disponível.

Mas água doce também não significa água potável. Para isso a água precisa ser de boa qualidade, estar livre de contaminação e de qualquer substância tóxica. Acredita-se que menos de 1% de toda a água doce do planeta esteja em condições potáveis.

 http://www.jornalnanet.com.br

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------- 

  DIA MUNDIAL DA ÁGUA (22 de março)
-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Sem água, não há mangue, sem manguezal não há alimento.
Manguezal é floresta,  ecossistema e importante zona húmida, depende da água para a sua sobrevivência. Nos países tropicais, milhares de pessoas vivem do ecossistema manguezal. Sem água a vida não é possível. Sem água as comunidades que vivem  do manguezal estariam em risco. A cada dia milhares de famílias coletam uma grande variedade de alimentos (caranguejos, camarões, otras, peixes, etc.) deste ecossistema, que se configura como uma importante fonte de subsistência. As comunidades tradicionais da América Latina estão trabalhando pela resistência e defesa deste ecossistema marinho costeiro e proteção das zonas húmidas e outras fontes da água. Entretanto, atividades como mega-projetos hidrelétricos, represas, desvio e uso indevido de água para irrigar monoculturas, poluição, derramamentos  das indústrias de petróleo são algumas das ameaças à fontes de água e do ecossistema manguezal.
Leia Mais
Tecnologia do Blogger.
 

Quem somos!

Fundada em 28 de abril de 2005 por um grupo de jovens identificados com as questões ambientais, a Associação Aratu de Proteção aos Ecossistemas Costeiros - ARATU é uma entidade sem fins lucrativos sediada no município de Icapuí-CE. A primeira composição do grupo surgiu a partir do Curso de Caracterização e Recuperação de Áreas Degradadas do Ecossistema Manguezal que aconteceu em Icapuí-CE, no ano de 2003, em função da execução do Projeto Esse Mar é Meu.

Designed By: DIGITART | Jakson Ney