PROJETO ÁGUA VIVA

O projeto Água Viva – mais vida no manguezal, teve seu início em 2008 através da aprovação do mesmo pelo Fundo de Apoio à Realce. O projeto visa sensibilizar os pescadores do Canal da Barra Grande para a necessidade de uma mudança de atitude no que se refere à conservação do ecossistema manguezal.

Essa nova postura possibilita a melhoria da qualidade da água do canal da Barra Grande e, conseqüentemente, do ecossistema manguezal, através da redução da quantidade de óleo usado pelas embarcações depositado diretamente no canal, beneficiando assim toda a população que está vinculada a atividade pesqueira e de extração de mariscos. Para isso, visa-se, a curto, médio e a longo prazo, reduzir significativamente a deposição de óleo no canal a partir da organização de um sistema de coleta do óleo usado pelas embarcações, possibilitando nova destinação a esses resíduos.

As atividades do Água Viva estão sendo incorporadas às ações do Projeto Desenvolver Preservando possibilitando a realização de um diagnóstico acerca da realidade do território como um todo (Aracati, Fortim, Icapuí), visando futura implantação de um programa mais ampliado para esta região pesqueira do Litoral Leste do Ceará.
Tecnologia do Blogger.
 

Quem somos!

Fundada em 28 de abril de 2005 por um grupo de jovens identificados com as questões ambientais, a Associação Aratu de Proteção aos Ecossistemas Costeiros - ARATU é uma entidade sem fins lucrativos sediada no município de Icapuí-CE. A primeira composição do grupo surgiu a partir do Curso de Caracterização e Recuperação de Áreas Degradadas do Ecossistema Manguezal que aconteceu em Icapuí-CE, no ano de 2003, em função da execução do Projeto Esse Mar é Meu.

Designed By: DIGITART | Jakson Ney